Experiência missionária – Julho 2018

“Os apóstolos se reuniram junto de Jesus e lhe contaram tudo o que tinham feito e ensinado”. E ai galera, beleza? Me chamo Murilo e quero partilhar com vocês sobre a nossa experiência missionária da última semana, talvez vocês não saibam, mas todas as férias nós seminaristas temos uma semana de missão que muito nos alegra e nos fortalece ainda em nossa vocação primeira à santidade e ao chamado que estamos discernindo configurando-nos a Cristo Bom Pastor. Deste modo citando o trecho acima do evangelho de São Marcos; certamente os apóstolos contaram o que haviam realizado com muito entusiasmo, assim também partilho essa experiência com o mesmo ímpeto a vocês!

Foram momentos de muitas graças, começando com as famílias que puderam nos acolher em suas casas para a estadia e a comunidade reunida que muito apoiou o trabalho missionário, assim, cheios de alegria iniciamos as visitas e a cada casa onde fomos acolhidos pudemos experimentar a graça de se encontrar com pessoas sedentas de Deus, desejando um encontro pessoal com Jesus Cristo. Muitas pessoas, nos contavam como era suas vidas, o cotidiano, o dia a dia… partilhavam as dificuldades, angústias e alegrias, falavam sobre as pessoas que ali habitavam, e daquelas que permaneciam em seus corações pois já não estavam mais junto delas pelas diversas circunstancias da vida… Entretanto, o que mais me chamou a atenção nos momentos de oração, era o pedido de paz na família, também o pedido de sabedoria e saúde. Marcante para mim foi perceber o sorriso sincero de cada família que se sentia feliz pela visita, sendo que, cada um de nós seminaristas, também saia de cada lar com o coração alegre por anunciar a Pessoa de Jesus Cristo e a sua Verdade que liberta o coração abatido, realizando uma transfiguração, transformando amargura em alegria.

Deste modo encerro meu testemunho, convidando vocês a serem missionários em suas comunidades pois como nos afirma o Documento de Aparecida “Quando cresce no cristão a consciência de pertencer a cristo, em razão da gratuidade e alegria que produz, cresce também o ímpeto de comunicar a todos o dom desse encontro” (DA 145) E se você sente o chamado ao sacerdócio, para o serviço ao próximo, entre em contato conosco, para um discernimento vocacional, neste caminho de discipulado de missão.
Falou Galera!!!

Murilo Ruchinski

Posted in Aconteceu and tagged , , , , .